PROJETOS


2013 -III Festival Internacional de Palhaços Ri Catarina


FLORIANÓPOLIS - A capital de Santa Catarina é palco do III Festival Internacional de Palhaços RI CATARINA.  A terceira edição, organizada pela Cia Pé de Vento Teatro ocorreu de 02 a 10 de novembro, e recebeu oito mil pessoas no Espaço Cultural Circo da Dona Bilica (Morro das Pedras) e no Teatro Álvaro de Carvalho (Centro), e em diversos espaços públicos da cidade.
O Festival contou com o patrocínio da Funarte\Ministério da Cultura do Governo Federal através do Premio Carequinha 2013 e do FUNCULTURAL – Governo do Estado de Santa Catarina.
Forão 30 apresentações e Duas oficinas. As atrações nacionais : Caravana Tapioca e Cia Anime de Pernambuco, Cia Um Pé de Dois e Casa de Madeira do Rio Grande do Sul e os cariocas do Grupo Off-sina e Teatro de Anônimo, e da ilha a Cia Pé de Vento Teatro.  As atrações internacionais são: o Palhaço Mexicano AZIZ GUAL, a palhaça Espanhola PEPA PLANA e da argentina CHACO VACHI E MAKU JARRAK.
As oficinas :
* “O riso e a Caricia” ministrada pelo mexicano Aziz Gual
* “Manual e Guia do Palhaço de Rua” ministrada pelo argentino ChacoVachi.






2012 - Novembro

Dona Bilica e Convidados - o projeto em parceria com a Softplan, foi realizado no período de 12 a 16 de Novembro, totalmente gratuito do presente ano, na Lona do Largo da Alfândega, no Centro de Florianópolis.


2012 - Novembro

II Festival Internacional de Palhaços Ri Catarina

De 5 a 11 de novembro a cidade Florianópolis teve a oportunidade de receber grandes espetáculos nacionais e internacionais ligados ao universo do Palhaço, como Tortell Poltrona/Espanha, Marta Carbayo/Dinamarca, Pablo Muñoz/Espanha, Ivan Prado/Espanha, e nacionais: Teatro de Anonimo/RJ, Cia dos Palhaços/PR, Via Palco/BA, Circo Artetude/DF, e também ministrou oficinas, àqueles que se interessam pela arte da palhaçaria. O festival fez sua 2º.edição com o apoio cultural da Unimed Grande Florianópolis através da Lei Municipal de Incentivo a Cultura.


2012 - Junho
Dona Bilica e Convidados - Prêmio FUNARTE Arte na Rua
Turnê pelo Litoral Catarinense

Este projeto foi realizado através da Fundação Nacional de Arte (Funarte) com o “Prêmio Funarte Artes na Rua (Circo, Dança e Teatro) do ano de 2011.
O projeto que já existe na capital há quatro edições, agora circulou por 06 municípios do litoral de Santa Catarina (Governador Celso Ramos, Porto Belo, Garopaba, Imaruí, Gravatal e Jaguaruna) com influência cultural da colonização açoriana e com populações de no máximo 20.000 habitantes.



2011 - Novembro
I Festival Internacional de Palhaços Ri Catarina
O 1º Festival Ri Catarina realizou-se de 7 a 13 de Novembro de 2011, na cidade de Florianópolis e em mais 9 cidades de Santa Catarina (Laguna, Criciúma, Tubarão, Lages, Chapecó, Joaçaba, Brusque, Joinville e Itajai). Com o patrocínio Funcultural, co-Realizaçao do SESC-SC, e apoio da Casan e Thallentus - Escola de música, pode contar com 80 artistas ao todo, o que proporcionou um retorno de público de 9.531 espectadores diretos, no total de 18 espetáculos, 1 mesa de debates, 1 oficina e 1 palestra.  


2011 
Projeto Sustentação

   Oferece contrapartidas sociais, através da apresentação de dois espetáculos para estudantes da rede pública dos municípios que fazem parte da Grande Florianópolis. Realizado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura (Lei Roaunet) e dos Patrocinadores: Banco Regional de desenvolvimento do Extremo Sul, Eletrosul, Badesc e SC Gás.


2010 - Setembro
Dona Bilica e Convidados - IV edição
4o. Ano Consecutivo de realização do projeto com o patrocínio dos Correios. Sucesso de público e critica , uma verdadeira homenagem a cultura ilhoa de origem açoriana em uma lona de circo,levando uma platéia de aproximadamente 6.000 pessoas. Espetáculo interativo com a participação de artistas locais: Boi de mamão de Jurere, Tania Oleira, Dona Nene rendeira.

2010 - Março
VIVA O CIRCO
Agraciado com Premio Funarte Carequinha de Estimulo ao Circo, a cia possibilitou a comunidade florianopolitana 15 espetáculos de palhaços de altissima qualidade, uma oficina ministrada pelo diretor Pepe Nuñez. O projeto aconteceu de 8 a 19 de março no Largo da Alfandega , centro de Florianopolis

2009 - Agosto
Dona Bilica e Convidados
3o. Ano Consecutivo de realização do projeto com o patrocínio dos Correios. Sucesso de público e critica , uma verdadeira homenagem a cultura ilhoa de origem açoriana em uma lona de circo,levando uma platéia de aproximadamente 6.000 pessoas. Espetáculo interativo com a participação de artistas locais: Boi de mamão de Jurere, Tania Oleira, Dona Zélia rendeira e Peninha .

2009 - Anual
Palco Giratório - SESC
A proposta foi oferecida a Cia Pé de Vento , para circular por todo Brasil , durante o ano de 2009, serão 47 apresentaçoes, 16 oficinas e 3 pensamentos giratórios. Esta ação coletiva entre o SESC nos estados, o público, os artistas e produtores culturais, o Palco Giratório propõe-se a desenvolver, transformar, propagar e descentralizar as artes cênicas no Brasil. O projeto foi criado em 1998, e desde então já participaram dos circuitos nacionais 128 espetáculos, de diversos estados. Alcance ampliado: Para incrementar o intercâmbio nacional, o projeto também realiza as Aldeias e Festivais Palcos Giratórios. As Aldeias são eventos em que espetáculos do Palco Giratório misturam-se à programação cultural das cidades visitadas, incrementando as cenas artísticas locais. Em 2009 ocorrem 25 Aldeias. As Aldeias se iniciam com Cortejos, quando artistas locais e artistas participantes do Palco Giratório desfilam pela cidade como abertura da Aldeia, e se encerram com o Overdoze, doze horas ininterruptas com as atrações do evento. Já os Festivais concentram durante 30 dias todos os espetáculos da mesma edição do Palco Giratório em uma cidade, com participação de espetáculos locais. Em 2009 acontecem 10 Festivais. E, além das apresentações, dos Festivais e das Aldeias, o Palco Giratório promove uma série de ações paralelas nas cidades que visita. Pensamento Giratório – Encontro para reflexão e discussão entre artistas participantes do Projeto e o público. Conversando com o público – Ao final dos espetáculos, os artistas conversam com a plateia sobre a apresentação. Trocando em miúdos – Grupos do Palco Giratório encontram-se com grupos de artistas locais para intercâmbios de experiências. A ação giratória do Palco Descentralização das produções nacionais Fortalecimento de novas praças e mercados fora do eixo Rio-São Paulo Criação de oportunidades para produtores, técnicos e artistas de artes cênicas Incremento da programação do SESC nos estados Fomento das produções locais

2008 - Agosto
Dona Bilica e Convidados
Com o patrocício dos Correios, pelo segundo ano consecutivo o projeto foi realizado na Semana do Folclore, gratuito e atingiu cerca de 6.000 alunos de escolas públicas. Objetivo de resgatar e valorizar a cultura de base açoriana, da ilha de Santa Catarina o projeto contou com a famosa personagem Dona Bilica como anfitriã da festa e seus convidados



2008 
Teatro e Contos
Projeto Teatro e Contos: Com patrocínio da Unimed, o projeto realizou apresentações gratuitas de espetáculos do repertório da Cia. Beneficiando instituições como presídio feminino, hospitais do SUS e escolas públicas. O objetivo é privilegiar uma camada da população que geralmente não tem acesso aos bens culturais.



2007 - Agosto
Dona Bilica e Convidados
Com o patrocício dos Correios, o projeto foi realizado na Semana do Folclore, gratuito e atingiu cerca de 5.000 alunos de escolas públicas. Objetivo de resgatar e valorizar a cultura de base açoriana, da ilha de Santa Catarina o projeto contou com a famosa personagem Dona Bilica como anfitriã da festa e seus convidados.

2007 - Março
Teatro para Comunidade
A parceria com a empresa Softway Contact Center foi um sucesso, repetiremos aqui o Projeto acrescentando também apresentações do espetáculo De Malas Prontas no Teatro, para alunos do Ensino Médio e estudantes do Núcleio de Jovens e Adultos do Ensino Municipal e Estadual da Grande Fpolis. Apoio Lei Municipal de Incentivo à Cultura.

2006 - Março
Teatro na Comunidade
Projeto aconteceu em sua segunda edição, na cidade de Florianopolis em 10 escolas publicas das redes municipal e estadual de ensino. Foram 30 apresentacões teatrais e cerca de 6.000 alunos atingidos. Apoio Lei Municipal de Incentivo à Cultura e patrocinio da empresa Softway Contact Center.

2006 - Setembro
Circulando de Malas Prontas
Realizado através do Incentivo da Lei Rouanet e patrocinio das empresas BESC, BRDE, TRACTEBEL ENERCIA E ELETROSUL, a Cia circula com o espetáculo De Malas Prontas em 7 cidades do estado de Santa Catarina, confira a programação: 05 e 06/09-São José / Teatro Escola Antônio Francisco (Forquilhinhas) 07 e 08/09-Fpolis / Teatro Álvaro de Carvalho 09 e 10/09-São Francisco do Sul / Teatro Municipal 13 e 14/09-Itajaí / Teatro Municipal 16 e 17/09-Jaraguá do Sul / Teatro do Scar 23 e 24/09-Concórdia / Teatro Casa da Cultura 30/09 e 01/10-Lages / Teatro Marajoara

2006 - Abril
Viva o Circo
O projeto foi executado em Florianopolis e realizado graças ao Prêmio Funarte de Estímulo ao Circo 2005.

1999 - 2001
Teatro na Praia
Gratuito para veranistas e itinerante pelo litoral catarinense. Patrocinado pela Brasil Telecom, em parceria com Diário Catarinense

2003
Teatro na Comunidade
Apresentação de três espetáculos teatrais gratuitamente em escolas públicas do município de Florianópolis. Patrocinado pela Brasil Telecom, através da Lei Municipal de Incentivo à Cultura

2004
Espaço Clown e Turnê Europa
Nas cidades de Lisboa/Portugal, Granada e Elche/Espanha. Produção Espaço Evoé, apoio cultural do Governo do Estado de Santa Catarina, Fundação Franklin Cascaes e Tractebel Energia

2005
Oficina de Iniciação e Aprofundamento ao Universo Clownesco
Na cidade de Lisboa, em Portugal, onde Pepe Nuñez já formou vários atores e mantêm parceria com o Espaço Evoé